Mãe encontra filho vivo em pasto sete horas após acidente

O mecânico Marcelo de Jesus, 33 anos, foi o último ocupante do veículo a ser encontrado após o acidente envolvendo um táxi que matou duas pessoas na manhã de quinta-feira (10), em Linhares, no Norte do Estado. O caso aconteceu na ES-248, que liga a cidade à Colatina, município vizinho.

Por Wilton Júnior/Tribuna Online

Continua depois da publicidade

Após o acidente, Marcelo foi lançado a mais de 50 metros do local do acidente e estava desacordado, no meio do pasto, às margens da rodovia. Foi a mãe da vítima quem achou o filho depois de sete horas do acidente. O rapaz foi encaminhado ao Hospital Geral de Linhares

Acidente com táxi aconteceu em uma rodovia estadual (Foto: Wilton Júnior)

Acidente com táxi aconteceu em uma rodovia estadual (Foto: Wilton Júnior)

A Polícia Militar informou que o carro trafegava no sentido Linhares-Colatina, quando o condutor perdeu o controle da direção e capotou. Os seis ocupantes foram arremessados para fora do veículo.

Familiares do proprietário do táxi disseram que, na quarta-feira, ele teria deixado o veículo em oficina para reparos e teria se surpreendido com a tragédia.

Devido ao acidente, o trânsito ficou interditado até por volta das 14h20.

O acidente

Até o início da noite de quinta-feira, apenas um dos mortos havia sido identificado. O ajudante de pedreiro Carlos Alberto de Jesus de 44 anos, estava no banco do carona. Já o corpo de uma mulher não identificada está no Serviço Médico Legal (SML) de Linhares.

Ivaneide Ferreira Souza Honorato, 48, e o mecânico Marcelo Vieira de Jesus, o Marcelo Cowboy, 33, além de outra vítima, ainda não identificada, permanecem internadas em estado grave no Hospital Rio Doce e no Hospital Geral de Linhares (HGL).

Segundo a PM, quem conduzia o táxi, um veículo Gran Siena, era Leonardo Gama Palombo Pinto, de 27 anos. Ele está internado na UTI do HGL, com traumatismo craniano.